HISTÓRIA | PARA RELEMBRAR QUE MENOS É MAIS


Cada dia que passa, sinto mais a vontade do desapego. Guardar coisas que não preciso, não me parece lógico. As memórias guardo-as no coração e não em gavetas.

Tudo isto se reflete em casa. Menos armários, menos molduras (para ser sincera, não tenho nenhuma), menos bugiganga, menos cortinados, menos de tudo o que é desnecessário. E, como se aprende em matemática, menos com menos dá mais: mais espaço, mais harmonia e mais tempo.

Para vos mostrar um bom exemplo de tudo isto, temos que voar até à Suécia. Mais propriamente a Gotemburgo. No meio, de todos aqueles edifícios majestosos, encontramos este pequeno apartamento de sessenta e quatro metros quadrados. O edifício foi construído nos primeiros anos do século passado mas, este apartamento, foi todo remodelado recentemente.

Com enormes janelas e uma varanda cheia de luz, pouco mais se precisa. Ao entrar, sente-se harmonia e tranquilidade, devido às cores neutras usadas em todo o apartamento. É simples, mas é cheio de luz e isso enche qualquer espaço. O pavimento de madeira e os têxteis naturais trazem o conforto.

Sem dúvida que “menos é mais”, por isso é melhor harmonizar a sua casa e deixar a luz entrar. O resto vem por acréscimo e, acreditem, não sou nenhuma maluquinha das energias (nada contra, mas não sou) e, tão pouco, uma rebelde. Sou alguém que quer ser feliz.















| simplicidade | harmonia | luz |

fonte: Alvhem

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 
COPYRIGHT © 2010-2017 MEU REBULIÇO BY CAROLINA SALEIRO